sábado, 8 de janeiro de 2011

Que crítico digno da sua profissão se acriança a dar estrelas? Que gente é essa que produz listas de leituras em que a presunção tresanda? Para que o fazem? Que julgam provar?
J. Rentes de Carvalho, aqui.

2 comentários:

HMM disse...

Cinco estrelas. :)

hmbf disse...

Eu daria seis e meia. :-)