sexta-feira, 26 de abril de 2013

REFLEXOS



 

O espelho em cima da lareira reflecte o quarto
reflectido na janela; olho para o espelho à noite
e vejo dois quartos, um onde a esquerda é direita
e o outro, para lá da janela reflectida, correcto,
mas aí eu fico de costas para as minhas costas. O
candeeiro surge três vezes no espelho, duas na janela,
o fogo no espelho fica a duas salas da janela,
o fogo na janela fica a uma sala do terraço,
o meu quarto real está entalado entre manipulações
da noite da luz do vidro e em ambas as direcções
consigo ver as luzes da rua através e além dos reflexos
no exterior onde as divisões interiores encalharam,
onde talvez um táxi atravesse a estante com livros
que não são para ler e estão junto ao fogo
que não dá calor e é transposto pela minha secretária
onde não poderei escrever já que não sou canhoto.

 
Louis MacNeice

Versão: HMBF

Sem comentários: